Começou em Manaus o 45º Fórum Nacional de Reitores da ABRUEM.

     

     

    Com o olhar centrado na pesquisa, inovação, pós-graduação e extensão, poderosos instrumentos de melhoria dos cursos de graduação, a abertura oficial do 45° Fórum Nacional de Reitores da ABRUEM (Associação Brasileira de Reitores das Universidades Estaduais e Municipais) reiterou a proposta de debater as principais áreas do ensino superior através da temática central “Graduação nas IES Estaduais e Municipais”. O evento aconteceu no Centro Cultural Povos da Amazônia (14) e tem como tema a “Graduação A programação do fórum prevê relatos de experiências e painéis de discussão que terá no foco dos debates assuntos como a avaliação institucional, a formação de professores da Educação Básica, as vias de acesso ao ensino superior (Vestibular e ENEM), o financiamento do Ensino de Graduação, entre outras questões

    O atual presidente da ABRUEM e reitor da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), professor João Carlos Gomes, ressaltou em seu discurso  a importância de manter a visão no processo de reformulação do ensino superior europeu por que, embora sendo um modelo diferente da  realidade  brasileira, aponta alguns caminhos. “Universalizar nossos currículos é um trabalho que deve ser priorizado pelos órgãos centrais e descentralizados de ensino superior permitindo a mobilidade acadêmica. Mas sem a participação de professores e alunos em todos os níveis da vida universitária de outras regiões e outros países não se conseguirá uma projeção de nossos saberes na orquestra do conhecimento internacional”,frizou o presidente .

    Em seguida, o representante do ministro da Educação Fernando Haddad, Edson Norberto Cáceres, do Ministério de Educação (MEC) proferiu a palestra “A Interiorização do Ensino Superior”, destacando a importância das IES na difusão e interiorização do ensino superior.