ABRUEM discute fomento e cooperação com a CAPES.

     

    Buscando estreitar laços com as universidades estaduais e municipais, principais responsáveis pela interiorização do ensino superior público no país, o presidente da Capes, professor Jorge Almeida Guimarães e sua diretoria se reuniu dia 8, no edifício sede da Capes, em Brasília, com os reitores e pró-reitores de Graduação, Pesquisa e Extensão das IES estaduais e municipais do sistema ABRUEM.

     

    Segundo o presidente da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), essa aproximação pode levar o ensino brasileiro para outro nível, pois acredita que as instituições regionais devem se mobilizar para reverter a grave falta de pessoal qualificado em áreas tecnológicas e na educação básica. “O alcance das estaduais e municipais as torna o lugar privilegiado da formação de pessoal de alto nível. Esperamos que os regimentos internos auxiliem a implementação dos programas de apoio”, afirmou Guimarães.

     

    A reunião teve por objetivo orientar e esclarecer os dirigentes da IES estaduais e municipais da ABRUEM sobre os financiamentos da Capes e consolidar a efetiva participação das universidades nos editais da entidade. A formação de professores para a educação básica foi citada pelos dirigentes como uma das aproximações mais efetivas entre as esferas de governo. Atribuição da Capes desde 2007, a ação pressupõe a articulação entre os três níveis de administração na oferta de vagas em cursos de licenciatura presenciais e a distância para corrigir a falta de formação adequada de docentes dos ensinos infantil, fundamental e médio. Cerca de 60% dos bolsistas de mestrado e doutorado do país recebem apoio da Capes, e, desde o segundo semestre de 2009, todos os ingressantes nesses cursos das regiões Norte e Centro-Oeste também contam com o apoio. As universidades estaduais receberam 41% das mais de 20 mil bolsas no país concedidas em 2009.

     

     “Com cerca de 900 mil estudantes em cursos de Graduação, bem mais que os matriculados na rede federal e particular, as universidades estaduais e municipais brasileiras contribuem significativamente para a democratização do acesso ao nível superior de comunidades distantes dos grandes centros, onde se concentram as Universidades Federais e Faculdades Particulares”, ressaltou o presidente da ABRUEM, reitor João Carlos Gomes.

     

    Estiveram presentes na reunião os componentes da diretoria da Capes,  presidente Jorge Almeida Guimarães; diretora de Gestão Denise Neddermeyer, diretor de Relações Internacionais Sandoval Carneiro Jr ; diretor de Avaliação Lívio Amaral;  diretor Programa de Bolsas Emídio Cantídio; diretor de Educação Básica Presencial João Carlos Teatini; diretor de Educação a Distância Celso José da Costa ; presidente da ABRUEM, reitor João Carlos Gomes; vice-presidente Antônio Joaquim Bastos da Silva (reitor da UESC) , representantes de 36 IES afiliadas da ABRUEM e o secretário executivo da entidade, Carlos Roberto Ferreira.

     

    Ao final da reunião, os representantes das IES estaduais e municipais da ABRUEM se reuniram para um jantar de confraternização e encerramento das atividades de 2009.