Reitor da Unimontes é agraciado com o título de cidadão-honorário de Bonito de Minas.

     

    O reitor da Universidade Estadual de Montes Claros, professor Paulo César Gonçalves de Almeida, foi agraciado nesse sábado (19), com o título de cidadão honorário de Bonito de Minas, município de 8,9 mil habitantes, distante 210 quilômetros de Montes Claros. Na mesma solenidade, foram agraciados o governador Aécio Neves e o vice-governador, professor Antonio Anastasia.

     

    Também foram homenageados o desembargador José Nepomuceno, do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) e o comandante do 30º Batalhão da Polícia Militar, em Januária, tenente-coronel PM Jorge Bonifácio de Oliveira. A comenda ao reitor da Unimontes foi proposta pelo vereador Antônio Pereira de Souza, atendendo sugestão do prefeito José Raimundo Viana.

     

    Para o professor Paulo César de Almeida, o título de cidadão honorário de Bonito de Minas deve ser compartilhado com toda a comunidade acadêmica, pois antes de representar uma homenagem pessoal, expressa o reconhecimento da população daquele município ao trabalho desenvolvido pela Universidade.

     

    O reitor lembra, a título de exemplo, o projeto “Unimontes Solidária”, que, em janeiro e março de 2008, contemplou Bonito de Minas, sendo realizados cerca de quatro mil atendimentos, com ações nas áreas de saúde (teste de glicemia, aferição de pressão e exames preventivos), educação (oficinas e palestras), meio ambiente (oficinas sobre reciclagem de materiais), lazer (colônia de férias), inclusão digital (curso básico de informática), organização social (oficinas e palestras). Foram também desenvolvidas atividades culturais através do projeto “Uniarte”.

     

    Ainda de acordo com o reitor, os programas e projetos desenvolvidos pela Unimontes em municípios como Bonito de Minas, “estão em sintonia com as diretrizes estabelecidas pelo governador Aécio Neves e pelo vice-governador, professor Antonio Anastasia, mesmo porque as regiões do Norte de Minas e dos Vales do Jequitinhonha e do Mucuri são consideradas prioritárias pelo Governo de Minas”.

     

    “Na verdade, a Unimontes é umbilicalmente comprometida com a população destas regiões”, salientou o professor Paulo César de Almeida, acrescentando que, “a partir do atual Governo, sem dúvida alguma, as ações foram dinamizadas e ampliadas”.