Missão Internacional encerra suas atividades na Espanha.

     

    A comitiva da ABRUEM/APIESP finalizou hoje (16), o ciclo de visitas às instituições de ensino superior (IES) e também aos órgãos ligados a educação da Espanha. A delegação, que começou sua missão no dia 05, passou pelas cidades de Madri, Salamanca, Barcelona e Valência, com o objetivo de discutir em seus encontros a internacionalização do ensino superior e a mobilidade acadêmica.

     

    O último compromisso da Missão na Espanha foi a visita à Universidade Politécnica de Valência (UPV). Juntamente com o reitor, Juan Juliá Igual, e com outros representantes da UPV, a comitiva conheceu as instalações da instituição, que se notabiliza pelo fato de contribuir para o desenvolvimento cultural, social e econômico da sociedade espanhola, mediante o apoio científico, técnico e artístico.

     

    No período da tarde de ontem (15), a delegação conheceu o prédio histórico da Universidade de Valência (UV), além disso, o vice-presidente da ABRUEM, Antonio Joaquim Bastos da Silva e o presidente da APIESP, Antonio Alpendre da Silva puderam apresentar o modelo de funcionamento das associações que representam, aos membros da UV, entre eles, estava o reitor da instituição, Esteban Morcillo.

     

    Para o vice-presidente da ABRUEM, Antonio Joaquim, a viagem abriu novas possibilidades de acordos entre as IES espanholas e as brasileiras. “Certamente, intercâmbios entre universidades do Brasil e da Espanha vão se concretizar, o que irá beneficiar e fortalecer o ensino superior para ambos os lados”, ressalta Antonio Joaquim.

     

    Findados os compromissos, o secretário executivo da ABRUEM, Carlos Roberto Ferreira, fez um agradecimento a todos que contribuíram para a realização da viagem. “Não poderia deixar de lembrar e agradecer ao Dr. Àngel Altissent da Embaixada da Espanha no Brasil, que contribuiu para o agendamento e confirmações de contatos e locais que visitamos neste período. A comitiva foi muito bem recebida por todas as instituições e, com certeza, essa experiência se resume em ótimos resultados para o processo de internacionalização acadêmica das IES filiadas”, destacou Ferreira.

     

     

    Comitiva reunida com os membros da UPV