Governador da Paraíba assegura verbas para a implantação do Campus da UEPB em Araruna.

     

    A implantação do Campus da Universidade Estadual da Paraíba no município de Araruna foi assegurada, na manhã de hoje (28), a reitora da UEPB, Marlene Alves, pelo governador do Estado, José Maranhão, durante uma audiência ocorrida em João Pessoa. O governador asseverou que verbas serão viabilizadas no orçamento do Governo para que o Campus comece a funcionar ainda em 2010.

     

    Após várias reuniões, debates e estudos acerca do tema, envolvendo diversas secretarias do Governo a exemplo de Planejamento, Finanças e Educação, além de uma série de visitas técnicas ao local que sediará o novo Campus da UEPB e a formação de uma comissão designada, especialmente, para tratar da implantação, Araruna terá condições satisfatórias e garantia de verbas para receber a Instituição.

     

    Nesse sentido, um Vestibular Especial, realizado pela Comissão Permanente de Vestibular (COMVEST) da UEPB, em caráter de urgência, será efetuado já neste semestre. Acrescente-se a isso, que, conforme estabelecido entre as partes envolvidas, haverá um incremento de 0,5% na receita ordinária, que norteia a Lei da Autonomia da Instituição, para o ano de 2011, quando será realizado outro Vestibular, desta feita o processo regular da UEPB.

     

    Na próxima segunda-feira (02), haverá uma reunião com integrantes do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (CONSEPE) da UEPB, com vistas a avaliar a proposta dos cursos que serão ofertados e definidos na oportunidade.

     

    Os estudantes da rede pública de ensino terão prioridade no preenchimento de 50% das vagas oferecidas e está sendo ventilada a possibilidade de que haja critérios de seleção diferenciados, no Vestibular, com vistas a beneficiar estudantes que residam na região que abrange o compartimento de Araruna. A intenção é minimizar a concorrência para estes candidatos em particular, com vistas a garantir a oportunidade para aqueles que moram na cidade e em áreas próximas.

     

    Além da reitora e do governador, também esteve presente na audiência o secretário de Educação e Cultura do Estado, Francisco Sales Gaudêncio, que manifestou sua alegria pelo sucesso das negociações. “Sinto-me muito feliz pelo entendimento emanado nesta audiência. É uma grande realização para mim, além disso, que esta circunstância haja ocorrido quando de minha passagem pela Secretaria”, destacou.

     

    Marlene Alves destacou que com este ato a UEPB se fortalece, garante sua expansão e a disseminação do saber por meio da interiorização. “O campus atenderá a demanda de estudantes das regiões circunvizinhas, criando oportunidade para que cada vez mais alunos tenham acesso ao ensino superior”, enfatizou.

     

    Segundo acrescentou a reitora, a meta da UEPB é a expansão com qualidade, de modo que os estudantes paraibanos, residentes nos mais distantes municípios, possam ter acesso ao conhecimento sem que sejam obrigados a se deslocar para cidades maiores. “A Universidade Estadual fica muito feliz em poder levar o conhecimento para a juventude paraibana, principalmente em locais onde os jovens não têm condições de cursar faculdade nos grandes centros, a exemplo de João Pessoa e Campina Grande”, apontou.

     

    O Campus de Araruna tem estrutura própria, necessitando apenas de alguns ajustes, a serem realizados em tempo hábil para receber os estudantes. No prédio funcionava anteriormente a Escola de Ensino Profissionalizante.

     

    Para permitir o funcionamento do Campus, enquanto não é realizado um concurso público destinado aos docentes em diferentes níveis e pessoal de apoio administrativo, serão convocados professores e visitantes com doutorado, além de docentes e funcionários do quadro atual da UEPB. Por hora, não há data definida para o concurso, como também o número de vagas e os setores que serão contemplados. Apenas está definida a necessidade de realização desta seleção de pessoal.

     

    Na audiência também houve espaço para o debate de outros tópicos, pendências e investimentos, igualmente importantes para a UEPB, que serão divulgados, mais tarde, para toda a população.

     

    A UEPB dispõe, atualmente, de sete campi: Campina Grande, Lagoa Seca, João Pessoa, Patos, Guarabira, Monteiro e Catolé do Rocha. O campus de Araruna será o oitavo. Localizada no Curimataú Oriental, Araruna fica a 219,3 quilômetros de João Pessoa e sua população hoje é de 19 mil habitantes. Limita-se com os municípios de Campo de Santana, Riachão, Solânea, Cacimba de Dentro e faz divisa com o Rio Grande do Norte.