Unimontes concede título de Doutor Honoris Causa a ex-secretário Fuad Noman.


     

    Na manhã da última quinta-feira (2), com a presença do governador do Estado, professor Antonio Anastásia, o Conselho Universitário (Consu) da Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes) realizou a sessão solene para a outorga do título de ‘Doutor Honoris Causa’ ao ex-secretário de Estado de Transportes e Obras Públicas, economista Fuad Jorge Noman Filho.

     

    O ato solene aconteceu na Biblioteca Central Professor Antônio Jorge, no campus-sede, sendo presidido pelo reitor, professor Paulo César Gonçalves de Almeida, também presidente do Consu e que propôs a homenagem, aprovada por unanimidade. O vice-reitor, professor João Canela, e a pró-reitora de ensino, professora Maria Ivete Soares de Almeida, respectivamente, reitor e vice-reitora nomeados para a próxima gestão, também participaram da solenidade, juntamente com autoridades civis e militares e convidados da comunidade.

     

    “A homenagem se justifica pelos relevantes serviços prestados pelo ex-secretário de Transportes e Obras Públicas para a concretização dos avanços registrados pela Unimontes, beneficiando diretamente toda sua área de atuação, que corresponde a cerca de 30% do território mineiro”, destacou o reitor.

     

    O título de ‘Doutor Honoris Causa’ é a maior distinção concedida em qualquer instituição universitária em todo o mundo. Até então, já foram agraciados pela Unimontes com a honraria o reitor da Universidade de Arágua (Venezuela), José Gerardo Guarisma Alvarez; o ex-presidente da República, ex-governador de Minas e senador eleito Itamar Franco; o atual vice-presidente da República, José Alencar; o ex-diretor regional da Codevasf, Ciríaco Serpa de Menezes (in memorian); e o governador Antonio Anastasia, além da outorga mais recente concedida ao presidente da Fapemig, professor Mário Neto Borges.

     

    Também já foi aprovada a concessão do título ao ex-governador e senador eleito Aécio Neves, cuja outorga oficial ainda será marcada.


     

    Fuad Noman Filho

    Mineiro de Belo Horizonte, Fuad Noman Filho é bacharel em Ciências Econômicas pelo Centro de Ensino Unificado de Brasília (Ceub) e pós-graduado em programação econômica e execução orçamentária pela Universidade de Brasília (UnB). Iniciou sua trajetória profissional como funcionário de carreira do Banco Central. Também foi secretário-executivo (adjunto) e secretário de Haveres e Riscos da Secretaria do Tesouro Nacional, no Ministério da Fazenda.

     

    Atuou como secretário-executivo da Casa Civil da Presidência da República e consultor do Fundo Monetário Internacional (FMI). Foi presidente da BrasilPrev e do Conselho de Administração do Banco do Nordeste. Em 2003, assumiu a Secretaria de Estado de Fazenda de Minas Gerais. Quatro anos depois, foi nomeado pelo governador Aécio Neves, secretário de Estado de Transportes e Obras Públicas, cargo que exerceu até o final do primeiro semestre de 2010.