Reitores da ABRUEM participam de compromissos em Brasília.

     

    Na tarde de quarta-feira (27), os reitores das instituições de ensino superior (IES) filiadas à ABRUEM, se reuniram na sede do CRUB, em Brasília, para a reunião administrativa de julho da associação. Durante o encontro os reitores abordaram a viagem realizada a Portugal, o 49° Fórum Nacional de Reitores e as reuniões com o Ministério da Educação (MEC) e com a Embaixada da Bélgica.

    Sobre a viagem a Portugal, que ocorreu entre os dias 7 e 18 de junho, foi realizado um relato sobre como ela transcorreu, os benefícios que esse tipo de viagem traz às filiadas, como o fechamento de acordos que viabilizam a mobilidade acadêmica e o intercâmbio cultural.

    Entre os acordos fechados estão o da UNICENTRO com a Universidade do Porto, o da Universidade de Lisboa com a UEPG, UEM e UEL, sendo que esta ultima ainda firmou acordo com a Universidade Técnica de Lisboa. Houve ainda a assinatura de acordo da UEPG, da UEMG e da UEM com a Universidade de Aveiro.

    Também foi firmado convênio entre a Universidade Nova de Lisboa com a UESC, UEL, UEPG, UNEAL, UNCISAL, UEM, UERGS, UNEB, UNICENTRO, UNIOESTE, UEPA, UESPI, UPE, UESB e UENP. A UEL e a UEPG ainda fecharam acordo com a Universidade Aberta, enquanto a UPE assinou um convênio com a Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro.

    A 49ª edição do Fórum Nacional de Reitores da ABRUEM, que acontece entre os dias 5 e 8 de outubro, e que abordará a ‘Qualidade da gestão acadêmica nas IES estaduais e municipais’ foi outro tema debatido. Promovido pela associação, esta edição do Fórum conta com o apoio para realização das universidades do Estado da Bahia (UNEB), Estadual de Santa Cruz (UESC), do Sudoeste da Bahia (UESB) e Estadual de Feira de Santana (UEFS).

    Vale ressaltar que o secretário executivo da ABRUEM esteve em Salvador, nos dias 19 e 20 deste mês, reunido com os reitores e assessores das universidades que apóiam a ABRUEM na realização deste Fórum, em busca de local para a realização do evento e tratando dos demais preparativos que o Fórum exige.

    Também durante o encontro foi constituída a Câmara de Ensino à Distância e Universidade Aberta do Brasil que tem como presidente o reitor da UDESC, Sebastião Iberes Lopes Melo; o vice-reitor da UNITINS, Fernando Spanhol; o coordenador da EAD/UAB da UNEB, Silvar Ferreira Ribeiro; o coordenador do núcleo de EAD da UNESP, Klaus Schlüzen Junior; a professora da UEM, Maria Luisa Furlan Costa; a professora da UNIOESTE, Beatriz Dal Molin; o pró-reitor de ensino a distância da USCS, Denis Donaire e o assessor da UDESC, Estevão Roberto Ribeiro, no cargo de secretário desta Câmara de Apoio.

    Ainda durante a reunião foi aprovada a entrega ao deputado federal, pelo estado do Paraná, Alex Canziani, do diploma de mérito por sua colaboração e apoio junto a ABRUEM aos pleitos que visam o fortalecimento do ensino superior no país.

    A reunião com o MEC, que acontece no próximo dia 10 de agosto, foi outro ponto amplamente debatido entre os reitores. Esta reunião contará com a presença do Ministro da Educação, Fernando Haddad, do Secretário de Educação Superior, Luiz Claudio Costa e demais representantes do MEC. Entre os assuntos que serão tratados estão os desafios do Plano Nacional de Educação (PNE) para a educação superior; o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e formas de ingresso; os programas de mobilidade acadêmica e a expansão do ensino superior.

     

     

    Encontros ocorridos pela manhã

    Além do encontro durante a tarde, os reitores tiveram outras atividades na manhã de quarta-feira. Os integrantes da Câmara de Internacionalização, instituída pela ABRUEM, presidida pelo reitor da UPE, Carlos Fernando Calado, se reuniram logo cedo no auditório do CRUB. Nesta ocasião, foram vastamente discutidas formas de atacar os problemas que impedem a difusão da internacionalização do ensino superior. O material produzido neste encontro será apresentado, na 49ª edição do Fórum Nacional de Reitores.

    Presidida pelo reitor da UPE, Carlos Fernando Calado, a reunião desta Câmara contou com a presença dos seguintes integrantes: Evanilde Benedito, da UEM; Izabel Cristina Takitane, da UNESP; Margarida Gandara Rauen, da UNICENTRO; Gilson Scharnik, da UEG que estava acompanhado de  Patrícia Farias, também da UEG e o secretário da Câmara, José Guido Corrêa de Araújo da UPE.

    Em paralelo com a reunião da Câmara, o presidente Antonio Joaquim Bastos da Silva e o secretário executivo Carlos Roberto Ferreira, tiveram um encontro, na sede da ABRUEM, com Myrian Medeiros assessora do senador pelo Estado do Piauí, João Vicente Claudino. Nesta reunião foi abordado o modo como o senador João Vicente pode colaborar com a ABRUEM com as IES filiadas.

    “Temos claro que a melhor maneira (de colaboração) é através de apoio junto a pleitos defendidos pela associação, que visam o fortalecimento do ensino superior. Como exemplo, podemos destacar as ações que buscam a diminuição da taxa de contrapartida e que lutam por condições iguais para as universidades federais, estaduais e municipais nos editais abertos pelos órgãos federais”, ressaltou o presidente da ABRUEM, Antonio Joaquim Bastos da Silva.

    Após essa reunião, Bastos da Silva, ainda teve um almoço com o Embaixador da Bélgica no Brasil, Claude Misson. Após conversarem sobre uma série de assuntos, ambos definiram ser importante haver uma reunião entre os representantes da Embaixada e os da ABRUEM. O encontro foi marcado para o dia 11 de agosto, na sede da associação. Nesta reunião será realizada uma apresentação das universidades e dos centros de pesquisa belgas, a participação destes no programa ‘Ciência sem Fronteiras’ e uma eventual Missão da ABRUEM à Bélgica.