RU da Unimontes será inaugurado nesta quarta pelo governador Antonio Anastasia.

     

     

    A Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes) inaugura, nesta quarta-feira (29), o Restaurante Universitário (RU), uma das principais reivindicações da comunidade acadêmica e aguardada há anos. A solenidade de inauguração será presidida pelo governador Antonio Anastasia, às 19 horas, e contará também com a presença da secretária de Estado de Planejamento e Gestão, Renata Vilhena, que receberá o título de Doutora Honoris Causa da Universidade. A entrega do título acontecerá às 20 horas, em sessão solene do Conselho Universitário, na Biblioteca Central Professor Antonio Jorge. Os eventos estão inseridos nas comemorações dos 50 anos de criação do ensino superior no Norte de Minas.

     

    A inauguração do Restaurante Universitário é destacada pelo reitor da Unimontes, João dos Reis Canela, como uma das conquistas mais importantes da história da instituição, viabilizada graças ao apoio do Governo de Minas, que assegurou a liberação de todos os recursos para a construção do empreendimento, orçada em cerca de R$ 1,8 milhão, entre obras físicas e equipamentos. “A conclusão do Restaurante Universitário é o resultado de um esforço coletivo em benefício de toda comunidade universitária. Devemos agradecer ao governador Antonio Anastasia, que se envolveu pessoalmente para a concretização desse grande sonho dos alunos, servidores técnico-administrativos, professores e da comunidade regional”, afirma João Canela.

     

    Ele destacou ainda a participação direta da secretária Renata Vilhena e o apoio de outros integrantes do Governo do Estado e da classe política regional. Lembrou ainda da mobilização para a construção do Restaurante Universitária, que envolveu as lideranças discentes e docentes e dos servidores técnico-administrativos e da saúde, além da própria Reitoria da Unimontes.

     

    Com a mobilização, a antiga reivindicação da comunidade acadêmica começou a se concretizar em setembro 2009, na gestão do ex-reitor Paulo César Gonçalves de Almeida, através do apoio do próprio governador Antonio Anastasia que, durante visita à Universidade para o III Fórum de Ensino, Pesquisa, Extensão e Gestão (Fepeg), anunciou a alocação de recursos para a obra. A construção propriamente dita foi iniciada em meados de 2010.

     

    Estrutura

     

    O RU ocupa uma área de 1,1 mil metros quadrados de construção, sendo 946 m² de área construída, na entrada norte do campus-sede. A unidade dispõe de uma cozinha industrial, com capacidade para o preparo de até 5 mil refeições/dia. O salão do RU abriga 280 pessoas sentadas. As atividades serão iniciadas com o fornecimento de 800 a 1 mil refeições por dia com preços subsidiados, através de recursos assegurados pelo Governo do Estado. A princípio, o atendimento será voltado exclusivamente para integrantes da comunidade universitária.

     

     O valor subsidiado da refeição será de R$ 2,50 para alunos, servidores técnico-administrativos e de R$ 4,00 para professores e servidores terceirizados e ocupantes de cargos de chefia. Os alunos, assim como todos os servidores técnico-administrativos e professores e ocupantes de cargos de chefias terão que passar por um cadastramento, através de um sistema de biometria (impressão digital), com o uso de catraca eletrônica para a liberação do acesso.

     

    O cadastramento já foi iniciado e pode ser feito no próprio RU, no horário das 8 às 20 horas. Para isso, os alunos deverão apresentar um documento de identidade com foto e o número da matrícula enquanto os servidores técnico-administrativos (efetivos e terceirizados) e professores deverão apresentar o documento de identificação com foto e a matrícula funcional.

     

    Para a operacionalização do restaurante, por intermédio de licitação, foi contratada a empresa especializada Gaúcha Alimentação Coletiva, sediada em Patos de Minas. Trabalham no RU cerca de 25 pessoas.

     

    A qualidade da comida e todo processo de funcionamento serão supervisionados pela Universidade, através de uma gerência administrativa, coordenada pelo servidor Ramon Acácio de Souza. Também contará com o trabalho da nutricionista Káthia Luiza Oliveira Veloso, que vai orientar e fiscalizar o cumprimento do cardápio oferecido.