Balanço de julho do projeto Unimontes Solidária registra 19,3 mil atendimentos.


    O projeto Unimontes Solidária alcançou 19.333 atendimentos realizados durante os 21 dias de atividades desenvolvidas em julho, nos municípios de Fruta de Leite, Serranópolis de Minas, Claro dos Poções e São João do Paraíso, todos no Norte de Minas.

    Coordenados por dois professores, 110 acadêmicos de praticamente todos os cursos da Universidade Estadual de Montes Claros atuaram como voluntários nos quatro municípios visitados nas áreas de educação, saúde, esporte, lazer, justiça, cidadania, meio ambiente e arte – entre outras.

    O balanço das ações relativas ao mês de julho foi divulgado pela Coordenadoria de Apoio ao Estudante (CAE), vinculada à Pró-Reitoria de Extensão e responsável pelo Unimontes Solidária. O projeto foi implantado há 10 anos, dirigido às cidades e comunidades rurais onde o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) ainda está abaixo da média do restante do Estado.

    “Os números alcançados demonstram a grande importância do Projeto Unimontes Solidária, que estimula o voluntariado e põe em prática aquilo que ensinado na sala de aula, proporcionando a melhoria da qualidade de vida da população”, avalia o reitor João dos Reis Canela.