Uema e Abruem realizam a abertura do 52º Fórum Nacional de Reitores.

     


    Com o tema “O desafio das universidades brasileiras: formação de pessoal para atuar nas novas áreas de desenvolvimento do país”, foi iniciado, na noite de quarta-feira (17), no Pestana São Luís Resort Hotel – Calhau, o 52º Fórum Nacional de Reitores, promovido pela Universidade Estadual do Maranhão (Uema), em parceria com a Associação Brasileira dos Reitores das Universidades Estaduais e Municipais (Abruem), que se estenderá até o próximo sábado, dia 20.

    A temática em discussão objetiva, sobretudo, chamar a atenção das universidades e da academia científica de um modo geral para a importância de um estudo acurado das nossas carências em termos de profissionais capacitados e a necessária adequação do nosso sistema educacional para atender à crescente demanda nessas áreas. Além disso, o Fórum tem o intuito de difundir e produzir conhecimento junto à sociedade, durante os quatros dias do encontro, no qual será possível estreitar os laços entre as filiadas e estabelecer a troca de conhecimentos.

    Participaram da solenidade de abertura o reitor da Uema, José Augusto Silva Oliveira; o presidente da Abruem e reitor da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), João Carlos Gomes; o secretário de Estado da Ciência e Tecnologia, José Ferreira Costa, representando a governadora Roseana Sarney; a deputada estadual, Francisca Primo, representando a Assembleia Legislativa do Maranhão; o secretário de Estado da Educação, Pedro Fernandes; e o presidente da Fundação Municipal de Cultura, Francisco Gonçalves, representando o prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior.

    Também fizeram parte da mesa de honra Ricardo Mota Miranda, representando o Conselho de Reitores das Universidades Brasileiras; o reitor do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IFMA), Roberto Brandão; o reitor do UniCeuma, Marcos Barros e Silva; o comandante da Capitania dos Portos do Maranhão, Jair dos Santos Oliveira; o ten. cel. do Comando da Academia de Polícia Militar Gonçalves Dias, Raimundo de Jesus Silva; o vice-presidente da Abruem, Carlos Fernando Calado; e o vice-reitor da Uema, Gustavo Pereira da Costa; bem como autoridades, professores e pesquisadores.

    Em seu discurso inicial, o reitor José Augusto Silva Oliveira, declarou “o tema do nosso encontro nos obriga à inquietação e à modificação do nosso fazer cotidiano de modo a responder satisfatoriamente à crescente demanda para uma série de novas frentes de trabalho. Está bem claro a importância da universidade estadual e também da municipal como locus destinado a prover cada unidade federativa, distinta e diferenciadamente, com o estoque do conhecimento para atender ao bem estar coletivo”. 

    Portanto, segundo o professor José Augusto, a Uema sente-se extremamente feliz e honrada com a oportunidade de abrigar o 52º Fórum da Abruem, e congratula-se com os reitores que a compõem e que confiaram a realização deste evento à Universidade, na certeza de que só trabalhando de maneira unida e solidária é possível aspirar a um futuro melhor para as instituições de ensino superior do país.

    Por sua vez, o secretário da Sectec, José Ferreira Costa, exaltou a iniciativa da Abruem e, especialmente da Uema, afirmando que este fórum representa algo que dignifica o trabalho de todos na construção competente, equilibrada dos destinos das universidades estaduais e municipais em todo o Brasil.  

    Já o presidente da Abruem, João Carlos Gomes, fez uma breve apresentação dos temas que serão debatidos durante o fórum, a exemplo do papel das universidades estaduais e municipais no desenvolvimento do país; e a questão da autonomia universitária. “É por meio dessas discussões que a Abruem pretende colaborar cada vez mais para o avanço do ensino, da pesquisa e da extensão”.

    Durante a cerimônia de abertura ainda foi realizada uma sessão de homenagens, com a entrega de diplomas para os associados da Abruem que já concluíram seus mandatos.

    Mais sobre a Abruem – A Abruem foi criada em 1991, durante a realização do 12º Fórum de Reitores das Universidades Estaduais e Municipais Brasileiras, com a finalidade de integrar, valorizar e defender seus propósitos institucionais, além de promover e coordenar, em âmbito nacional, discussões sobre as políticas voltadas para o Ensino Superior.

    Desde então, duas vezes por ano, a Associação, com a parceria de reitores das 40 universidades públicas, que hoje a integram, vem realizando novos fóruns, sempre com a participação de educadores renomados e de autoridades governamentais e acadêmicas convidadas.

     

     

    Clique aqui para conferir mais fotos do Fórum.