Abruem integra mesa redonda do Seminário de Avaliação da Educação Superior

     

        “As universidades hoje se deparam com uma série de questionamentos e exigências quanto ao seu papel social e quanto ao seu desempenho institucional, face ao progressivo desenvolvimento e disseminação de comunicação e informação”, disse o reitor da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG) e presidente da Abruem, no programa do “II Seminário Internacional de Avaliação da Educação Superior – Conaes”, que se desenvolve até o próximo, dia 21, em Brasília (DF).  O reitor da UEPG participa como debatedor na mesa redonda “O Sinaes na perspectiva das instituições públicas e privadas e de seus alunos e professores” (19/8), que também conta com a presença do professor Paulo Roberto Wolliger, como moderador. O presidente da Abruem participa do Seminário do Conaes, em companhia dos professores Antônio Joaquim Bastos da Silva, vice-presidente da entidade e reitor da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC); e de Taisir Mahamudo Karim, reitor da Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat).

     

        Como assinala João Carlos Gomes, a Abruem atenta ao processo contínuo de mudanças que ocorre na sociedade contemporânea, em particular na brasileira, está consciente de que o papel da universidade relacionado à educação passa por grandes transformações. Diante dos inúmeros desafios impostos às IES ou que a elas se impõem, e que muitas vezes as instituições não estão preparadas ou em condições de responder, segundo ele, elas vêm-se obrigadas a exercitar o seu caráter crítico. Isso porque como espaço de produção científica e de crítica do conhecimento instituído e produzido, as universidades têm no processo contínuo de mudanças e transformações a possibilidade de repensar e redefinir sua função social. Por esse perfil, João Carlos observa que, como as demais instituições de ensino superior, impõem-se naturalmente às universidades públicas estaduais e municipais brasileiras indagações sobre a qualidade da educação superior que ofertam, sobre as contribuições da educação para o desenvolvimento humano e social, e sobre a necessidade de acolher mudanças contemporâneas para cumprir suas funções.

     

    Integração e Globalidade

         Na mesa redonda do Seminário Conaes, João Carlos frisou que o objetivo da Abruem é  a congregação das universidades estaduais e municipais brasileiras em torno de seus propósitos institucionais. Ele considera o importante papel da Abruem na promoção e integração dessas instituições, sua valorização e defesa. “A Abruem atua estimulando a ação conjunta das suas filiadas no âmbito nacional, regional e local, assessorando-as junto aos órgãos públicos e privados, entidades e organismos nacionais e internacionais”. No que se refere ao Sinaes, o presidente da Abruem avalia que se trata de uma das políticas públicas em educação que tem gerado grande interesse, discussões e polêmicas, não só no contexto acadêmico, como na sociedade, em geral.  Nesse aspecto, ele cita o professor José Dias Sobrinho, que diz “a universidade precisa avaliar-se e tem o dever de se deixar avaliar para conhecer e aprimorar a qualidade e os compromissos de sua inserção na história, porque é uma instituição social, criada e mantida pela sociedade”.

     

        Durante a participação na mesa redonda do Conaes, João Carlos Gomes ressaltou que é de 80% a participação da IES filiadas à Abruem no Sistema de Avaliação do Ensino Superior. Tratando da importância do tema avaliação, ele considera que a questão que se projeta para as IES volta-se para a busca da integração e da globalidade que é central para a construção de um sistema de avaliação, tanto nas dimensões internas e constitucionais quanto nas suas manifestações externas e de sistema. Nas atividades cotidianas de gestores universitários, docentes, discentes e técnico-administrativos, segundo João Carlos, os processos avaliativos definidos pelo Sinaes geram novas situações de trabalho, tanto para a gestão acadêmica quanto para a gestão administrativa, face aos princípios de globalidade e integração nele estabelecidos.