Emoção marca lançamento de livro de garçom.

        Foi realizado nessa quinta-feira (6) à noite, na Biblioteca Central Professor Antônio Jorge, no Campus Universitário Professor Darcy Ribeiro, o lançamento do livro infantil “A Borboleta Daltônica”, de autoria do garçom Adão Simões, publicado pela Editora Unimontes. O evento foi marcado pela emoção, sendo destacado o esforço e a luta do escritor ao conseguir a realização do sonho de publicar um livro.

     

         Ao presidir a solenidade, o reitor da Universidade Estadual de Montes Claros, professor Paulo César Gonçalves de Almeida, destacou que a publicação da obra é mérito pessoal de Adão Simões, que, com garra e determinação, conseguiu superar as dificuldades para concretizar o seu desejo de escritor. 

     

         O reitor salientou que, ao apoiar o garçom, a Editora Unimontes apenas cumpriu o seu papel de estimular e disseminar o conhecimento e a cultura regional. “Todos somos personagens dessa história. Mas, o Adão é o ator principal, pela sua luta e determinação e por ter acreditado na realização de um sonho”, assinalou o professor Paulo César de Almeida.

     

         Na verdade, o sonho de Adão Simões começou a virar realidade em abril deste ano, quando reportagem veiculada pela InterTV Grande Minas, afiliada da Rede Globo, mostrou a sua vocação para a literatura e, ao mesmo tempo, suas dificuldades para publicar um livro. Ao tomar conhecimento da situação, o reitor, professor Paulo César Gonçalves de Almeida, decidiu ajudá-lo por intermédio da Editora Unimontes, “que tem como missão, entre outros objetivos, o resgate da cultura e o incentivo aos escritores regionais”.

     

         “Enfrentei dificuldades de toda ordem. Mas, graças à InterTV e ao reitor da Unimontes, está sendo possível a publicação do livro, para o que contei, também, com o incentivo e apoio da minha família e de amigos que acreditaram neste sonho”, afirma Adão Simões, acrescentando que “A Borboleta Daltônica” é uma obra infantil que o impulsionou a escrever outras estórias. “Passei a ver o mundo com o olhar de uma criança. Já tenho em casa 14 livros, e se Deus permitir também terei a oportunidade de publicá-los”, revelou.

     

         Além de professores, acadêmicos, convidados e familiares do autor, o lançamento contou com ainda com as presenças do diretor de Documentação e Informações, economista Giulliano Vieira Mota; da diretora da Biblioteca Universitária, Roseli Aparecida Damaso Messias Garcia; do diretor da Imprensa Universitária, Humberto Velloso Reis; do presidente do Instituto Histórico e Geográfico de Montes Claros, Wanderlino Arruda; e da jornalista Maria Cecília Oliveira, representante da InterTV Grande Minas.

     

    Adão Simões e família.