Doutorado em Ciência Jurídica tem dupla titulação com Perugia.

    Possibilidade é inédita no Brasil

     Os alunos dos doutorados em Ciência Jurídica da Univali e de Direito Constitucional Comparado da Università Degli Studi Di Perugia, da Itália, agora podem ter dupla titulação. O acordo entre as instituições foi assinado na sexta-feira, 26 de abril, em Perugia, pelo reitor daquela universidade, Francesco Bistoni, e marca um intercâmbio inédito na área, no Brasil.

     O coordenador do Programa de Pós-graduação em Ciência Jurídica da Univali, Paulo Márcio cruz, explica que o acordo é fruto de cooperação existe há dez anos entre as duas instituições de ensino, que já resultou em várias atividades em parceria. O convênio vai permitir que os alunos dos doutorados brasileiro e italiano possam receber dupla titulação, de ambas as instituições. Para isso, eles terão que cursar parte do curso nas duas universidades e serem co-orientados por professores das duas instituições.

     Para o reitor da Univali, José Roberto Provesi, a dupla titulação, além de ampliar a área de atuação dos pesquisadores em ciência jurídica – a titulação italiana é válida para toda a União Européia -, torna-se um diferencial para o diplomado e para a instituição: “O programa de Pós-graduação em Ciência Jurídica da Univali já é um dos dois únicos programas do Estado com estrutura vertical completa na área: graduação, especialização, mestrado e doutorado, e passa a oferecer, também, oportunidade de atuação além das fronteiras brasileiras”, ressalta.