Ações de extensão são premiadas pelo Instituto da Cidadania Brasil.

    O Instituto da Cidadania Brasil em parceria com a Secretaria de Ciência e Tecnologia para inclusão social do Ministério da Ciência e Tecnologia , encerra no dia 15 de junho as inscrições para o “Prêmio Cidadania Sem Fronteiras”, que coroará as ações desenvolvidas por Instituições de Ensino Superior (IES) em atividades de extensão.


                O objetivo da premiação é reconhecer e criar referência quanto às melhores ações ou práticas sociais desenvolvidas pelas IES, com a participação de seus alunos , em atividades de extensão, melhorando a qualidade de vida das comunidades e contribuindo para a geração de emprego e renda.


                A premiação dá visibilidade às melhores práticas sociais desenvolvidas pelas Instituições de Ensino Superior (IES) , estimulando-as ao desenvolvimento de novas tecnologias e metodologias de abordagem, que preenchem as lacunas sociais nas áreas de Direitos Humanos, Justiça, Trabalho, Cultura, Comunicação, Saúde, Tecnologia e Produção e Educação e Meio Ambiente. “O objetivo do prêmio contempla, também, a sensibilização do estudante de ensino superior para a importância de sua participação nas soluções para a melhoria da qualidade de vida das comunidades brasileiras, como fator determinante para as mudanças necessárias à formação de um país mais igualitário”, destaca Paulo Saab, presidente do Instituto da Cidadania Brasil.


               Saab observa que será possível mostrar e conhecer quais ações e práticas as Instituições de Ensino Superior estão realizando junto às comunidades. “O Prêmio é um meio de estimular e apresentar o que as instituições estão realizando de bom, e que deve servir de exemplo para a sociedade”, afirmou. Cada Instituição de Ensino Superior, regularmente estabelecida, poderá inscrever suas ações por área de graduação, relacionando todas as suas fases - estudo, concepção, diagnóstico, planos de ação documentados, relatórios, pesquisas e documentação fotográfica, entre outros pontos.