Equipe da Unimontes participa de nova etapa do projeto "Caminhos Gerais".

     

    Uma equipe de 32 acadêmicos da Universidade Estadual de Montes Claros, supervisionada por professores, estará participando da próxima etapa do projeto “Caminhos Gerais” a partir desta terça-feira (14), nos municípios do Serro (comunidades de Capivari e Milho Verde) e Couto de Magalhães de Minas (sede), ambos na região de Diamantina.

     

    O projeto, que será estendido até a quinta-feira (16), é desenvolvido pela Associação Brasileira dos Criadores do Cavalo Mangalarga Marchador (ABCCMM), em parceria com o Ministério do Turismo e a Unimontes. As ações do “Caminhos Gerais”, no âmbito da Unimontes, são coordenadas pela Pró-Reitoria de Extensão.

     

    Com o lema “Uma Marcha com Solidariedade”, o projeto foi iniciado em 2007 e, através dele, são realizadas cavalgadas que percorrem os municípios mineiros que têm as origens ligadas aos tropeiros e exploração de minerais preciosos, em especial no Norte, Vale do Jequitinhonha e Noroeste. Ao mesmo tempo, com a participação de acadêmicos voluntários, são realizados trabalhos solidários nas áreas de educação, saúde, cultura e meio ambiente, beneficiando a comunidade em geral.

     

    Nesta nova etapa, os professores e acadêmicos da Unimontes vão atuar, inicialmente, na localidade de Capivari (14), contando, também, com a participação da pró-reitora de Extensão, professora Marina Ribeiro Queiróz, representando o reitor, professor Paulo César Gonçalves de Almeida. No dia 15, a equipe da Unimontes vai visitar o distrito de Milho Verde (15). Em seguida, serão atendidos os moradores de Couto de Magalhães de Minas (16).

     

    Entre outras atividades, estão previstos testes de glicemia, aferição de pressão arterial e palestras sobre educação sexual, gravidez na adolescência, técnicas de higiene dental e escovação, oficinas e jogos pedagógicos. Na área de lazer e esportes, haverá camas elásticas, brincadeiras e trabalho sobre arte circense, que será apresentado por acadêmicos do curso de Artes.

     

    Como novidade nesta edição, haverá a exibição de filmes em escolas e praças públicas, dentro da proposta do “Cinema Comentado”. Outra atividade será a confecção de brinquedos com o uso de materiais recicláveis como garrafas de plástico, papel e jornais.